ban or ban sc ban br

Segunda, 14 Fevereiro 2022 14:56

Alunas de Orleans ganham notoriedade durante cerimônia de abertura do Projeto Nacional "Qualifica Mulher"

Alunas de Orleans ganham notoriedade durante cerimônia de abertura do Projeto Nacional "Qualifica Mulher" Edivaldo Lubavem

Na última sexta-feira (11/02), aconteceu a cerimônia de lançamento do projeto Nacional Qualifica Mulher, ocorrida no auditório da Arena Multiuso de Tubarão. A solenidade contou com a presença de autoridades regionais; prefeitos e prefeita; representantes do Ministério da Mulher; da Família; e dos Direitos Humanos de Brasília; além do Diretor-geral do campus Tubarão, Henri Carlo Belan; do campus de Criciúma, Daniel Comin e do Reitor do IFSC, Gariba Júnior.

O projeto “Autonomia social e econômica: gerando renda e valorizando o trabalho feminino”, que engloba o Qualifica Mulher, é fruto de uma parceria entre os campus Tubarão e Criciúma do IFSC, com recursos oriundos da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres (SNPM). Até o fim do projeto, serão ofertadas 490 vagas para mulheres em situação de vulnerabilidade social na região sul, por meio de cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) distribuídas em cursos de Geração de Renda, Tecnologia e Valorização do Trabalho Feminino, Empreendedorismo Feminino; Comunicação e Atendimento ao Cliente, Inovação e Criatividade, Inclusão Digital, Instalações e Serviços de Eletricidade, Cidadania, Alfabetização e Letramento.

“Convém lembrar que o município de Orleans aderiu o projeto e realizou entre os meses de novembro e dezembro de 2021, o curso de Comunicação e Atendimento ao Cliente, qualificando 29 mulheres. O projeto por sua vez, causou um grande impacto na vida das alunas em que muitas delas estão retomando os estudos, outras conquistando a carteira de habilitação e mais outras se inserindo no mercado de trabalho”, descreve o extensionista do projeto e membro do RH da Prefeitura de Orleans, Edivaldo Lubavem.

A aluna Dinalva Felisbino, foi uma das alunas do curso de Comunicação e Atendimento ao Cliente. Para a aposentada, não foi apenas um curso: foi a primeira vez que recebeu um certificado. E a oportunidade foi possível através de um esforço conjunto que envolveu IFSC, governo federal e onze municípios do sul catarinense.

Para Teresinha Matuxaki Alberton, residente na comunidade de Chapadão o curso impulsionou seu desejo de conquistar a carteira de habilitação. Ela está matriculada e segue investimento em sua formação pessoal.